(24) 2252-3672 contato@artedecurar.com.br

Farinha de Linhaça dourada 160g

R$15,00

REF: 367 Categoria:

Descrição

A linhaça (Linunusitatissimun L.) é o alimento de origem vegetal mais rico em ácidos graxos ω-3, apresentando também quantidades elevadas de fibras, proteínas e compostos fenólicos (THOMPSON & CUNNANE, 2003). Existem duas variedades de linhaça para consumo humano, a linhaça marrom e a linhaça dourada.

Fonte rica de precursores de lignana (THOMPSON et al., 1991).

Vários estudos vêm sendo realizados com base nesta propriedade da linhaça, além disso, também tem se demonstrado que o consumo de linhaça pode reduzir o colesterol total e o LDL (BIERENBAUM et al., 1993; CUNNANE et al., 1993), bem como agregação plaquetária (ALLMAN et al., 1995).

Existem evidências de que a linhaça marrom e a dourada são semelhantes em sua composição química (MUELLER et al., 2010), portanto, é possível que ambas apresentem bioatividade similar sendo a linhaça marrom ligeiramente superior a dourada(ANA, K.M.B ET al. 2014)

Sugestão de consumo: Adicione 1 colher de sopa (10g) de farinha de linhaça dourada estabilizada Ecolife nas três principais refeições do dia. Pode também ser adicionada a sucos, saladas e iogurtes, assim como em receitas de bolos, biscoitos e massas em geral, enriquecendo o sabor e os valores nutricionais necessários à saúde.

  1. THOMPSON, L.U.; CUNNANE, S.C. Flaxseed in human nutrition. 2.ed. Champaign, Illinois: AOCS, 2003. 458p.
  2. MUELLER, K. et al. Functional properties and chemical composition of fractionated brown and yellow linseed meal (Linumusitatissimum L.). Journal of Food Engineering, v.98, n.4, p.453-460, 2010. Disponívelem: .Acessoem: 10 ago. 2010. doi. 10.1016/j.jfoodeng.2010.01.028.
  3. ANA, K.M.B ET al. Linhaça marrom e dourada: propriedades químicas e funcionais das sementes e dos óleos prensados a frio . Ciência Rural, Santa Maria, v.44, n.1, p.181-187, jan, 2014
  4. THOMPSON, L.U., ROBB, P., SERRAINO, M., and CHEUNG, F. Mammalian lignan production from various foods. Nutr. Cancer 16: 43-52, 1991.
  5. BIERENBAUM, M.L., REICHSTEIN, R. and WATKINS, T.R. 1993. Reducing atherogenic risk in hyperlipemic humans with flax seed supplementation: A preliminary report. J. Am. Coll. Nutr. 12: 501-504.
  6. CUNNANE, S.C., GANGULI, S., MENARD, C., LIEDE, A.C., HAMADEH, M.J., CHEN, Z-Y., WOLEVER, T.M.S. and JENKINS, D.J.A. 1993. High-linolenic acid flaxseed (Linumusitatissimum): some nutritional properties in humans. Br. J. Nutr. 69: 443-453. DHHS/FDA. 1997. Food labeling: Health claims; oats and coronary heart disease. Dept. Health and Human Services/Food and Drug Administration. Fed. Reg. 62: 3584-3601.
  7. ALLMAN, M.A.;PENA, M.M.; PANG, D. Supplementation with flaxsed oil versus sunflower seed oil in healty Young men consuming a low fat diet. Eur. J. Cien. Nutr. v. 49, p. 169-178, 1995.

Informação adicional

Dimensões 18 × 27 × 9 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Farinha de Linhaça dourada 160g”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *